Infelicidade no trabalho não significa que é necessário mudar de emprego

homem insatisfeito e pensativo sobre mudar de emprego

É comum que nossas escolhas profissionais nos levem a uma rotina distante da qual um dia sonhamos para uma carreira. Para algumas pessoas, essa realidade pode ser tão insatisfatória que acaba culminando no abandono de uma posição que, muitas vezes, pode representar segurança e estabilidade financeira.

Embora a felicidade no ambiente de trabalho deva prevalecer sobre qualquer aspecto econômico, é possível que realizemos algumas mudanças internas e externas a fim de melhorar a qualidade de vida sem precisar mudar de emprego.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para acabar com a infelicidade no trabalho. Confira!

Organize sua rotina

A desorganização da rotina de trabalho pode ser não só um problema na produtividade, como também um grande causador de estresse e ansiedade. Dessa forma, vale a pena reservar algum tempo para planejar a melhor forma de conduzir o seu cotidiano no emprego.

A organização da rotina de trabalho deve começar com o planejamento diário das funções a serem desempenhadas, assim como a devida previsão de conclusão de cada uma delas. Um controle de atividades pode ser bastante positivo, porque diminui as chances de você se sentir sobrecarregado.

Invista na sua vida pessoal e lazer

Durante a organização da rotina, deve-se estabelecer um limite entre a vida profissional e a pessoal. A ausência de uma vida pessoal  e de momentos de lazer pode ser um grande causador de estresse, principalmente quando nos damos conta de que essa falta ocorre em função do emprego.

Assim, vale a pena delimitar corretamente um período para se desligar totalmente do ambiente de trabalho. Isso também vale para qualquer tipo de comunicação online, que invada o período de descanso. Mesmo que essa comunicação seja inerente ao cargo desempenhado, é importante tentar criar limites durante o período de lazer.

Estar feliz com a vida pessoal faz toda a diferença na hora de encarar as obrigações.

Saiba lidar com os conflitos

É bastante comum que em um ambiente de trabalho ocorram diversas disputas de interesses, competições ou desavenças entre colegas. Entretanto, a presença da agressividade em função desse tipo de problema é só mais um dos possíveis motivos que agravam a infelicidade no trabalho.

Dessa maneira, é extremamente válido encarar toda e qualquer situação de conflito com a intenção de resolução do problema, e não com o objetivo de se sobressair ou simplesmente ganhar uma discussão. A manutenção do bom humor e respeito para com os colegas é fundamental para criar um clima amistoso no ambiente de trabalho.

Descubra o prazer no trabalho

Faz parte do senso comum o conceito de que só é feliz quem trabalha com o que realmente gosta. Porém, é bastante comum encontrarmos pessoas frustradas com funções que amam e que, consequentemente, são infelizes.

Muitas vezes é possível descobrir o prazer no desempenho do trabalho. Considerando a trajetória do indivíduo para chegar naquele ponto, é natural que algumas de suas habilidades para o desempenho daquele cargo sejam mais evidentes do que em outras pessoas. E é a partir daí que se inicia a mudança.

Por meio de uma mudança de perspectiva, algumas vezes é possível alterar a visão que se tem de uma situação vivida. Focando no desempenho de uma habilidade de forma bem feita e com bons resultados, é possível que se encontre a felicidade no trabalho.

Crie metas

Por fim, a criação de metas pode ser o maior motivador para acabar com a infelicidade no trabalho. É fundamental ver que, por maiores que sejam as dificuldades, aquele tempo despendido será recompensado pela aquisição de um objetivo, seja ele material ou não.

Fazer uma viagem no fim do ano, aumentar o próprio conforto ou da sua família ou aumentar o seu reconhecimento profissional são excelentes metas para nos incentivar a trabalhar mais animados.

Assim, podemos perceber que a infelicidade no trabalho é um quadro que pode ser revertido a partir de mudanças simples de hábitos e de perspectiva. Estas mudanças podem significar não só a manutenção de um emprego, como também uma melhoria considerável na qualidade de vida.

Gostou do post? Compartilhe em suas redes sociais!

Botão direcionando os leitores para o download de um ebook

"Infelicidade no trabalho não significa que é necessário mudar de emprego", 5 out of 5 based on 2 ratings.
0
Psicologia Viva

Psicologia Viva

Selecionamos o psicólogo adequado para a sua necessidade e possibilitamos você ter uma consulta online por videoconferência de qualquer lugar do mundo.
Psicologia Viva

Psicologia Viva

Selecionamos o psicólogo adequado para a sua necessidade e possibilitamos você ter uma consulta online por videoconferência de qualquer lugar do mundo.

2 thoughts on “Infelicidade no trabalho não significa que é necessário mudar de emprego

Deixe uma resposta