Um homem sentado em uma mesa, dando psicologia organizacional para um casal de uma empresa

Psicologia organizacional: o que é e como pode ajudar a empresa

Lidar de forma acurada com seres humanos, seus problemas e conflitos dentro de uma organização exige alguns conhecimentos específicos.

Cuidar dessas questões e trabalhar para que haja o pleno desenvolvimento das pessoas e a harmonia no ambiente de trabalho são algumas das funções da Psicologia Empresarial.

As empresas são formadas por recursos materiais e humanos, ambos com grande relevância para seu funcionamento.

Porém, são as pessoas que tornam possíveis os processos e alcançam os resultados. Entender e aprimorar a relação entre os trabalhadores é essencial para o sucesso da empresa.

Acompanhe este post para saber o que é a Psicologia Organizacional e como ela pode ajudar a empresa!

Como surgiu a Psicologia Empresarial?

Em sua primeira fase, a Psicologia Organizacional recebeu o nome de Psicologia Industrial. Isso se deu por causa da Revolução Industrial, em meados do século XIX.

A força de trabalho passava por mudanças. Houve a inclusão das máquinas, o que facilitou a produção em massa e modificou as relações entre empregados e indústrias. Assim, em seus anos iniciais, essa ciência era utilizada para aumentar a produtividade e os lucros.

O clima organizacional e a qualidade de vida se tornaram os focos dos estudos em um segundo momento da Psicologia Empresarial. E, posteriormente, essa área de conhecimento ganhou o nome de Psicologia Organizacional e do Trabalho.

Suas pesquisas compreendem a saúde e o bem-estar dos colaboradores, ergonomia, relações de poder, desavenças, entre outros. A Psicologia Organizacional foi criada para modificar e estruturar o ramo empresarial.

O que é Psicologia Organizacional?

A Psicologia Organizacional estuda o comportamento humano e os fenômenos psicológicos que acontecem dentro das empresas, além de analisar suas implicações no ambiente de trabalho.

Seu principal objetivo é aumentar e manter a qualidade de vida no trabalho por meio de um bom clima organizacional, condições favoráveis ao trabalho, desenvolvimento de pessoal e relação harmônica entre os funcionários.

O Departamento de Recursos Humanos, mais conhecido com RH, é o setor que representa a Psicologia nas corporações. Existem várias atribuições e formas de atuação da Psicologia do Trabalho. Abaixo, listamos algumas delas:

Técnicas de recrutamento e seleção de pessoal

Atualmente, a seleção de pessoal tem um papel fundamental no trabalho do psicólogo organizacional. Afinal, o bom andamento da produção e a harmonia da equipe dependem de contratações bem-sucedidas.

A tecnologia vem ocupando espaço singular nesses processos, o que proporciona economia de tempo e de gastos. Contudo, a mão de obra especializada não pode ser substituída, pois se faz necessário um olhar habilitado para realizar a análise e compreensão dos candidatos.

Pesquisa de clima organizacional

Tida como uma das principais ferramentas estratégicas que podem ser utilizadas pela gestão de pessoas, a pesquisa de clima organizacional visa analisar o engajamento e a satisfação dos colaboradores.

Entender como os funcionários se sentem diante das situações do dia a dia na empresa é de fundamental importância para a melhoria dos pontos negativos e reforço dos pontos positivos.

Aplicação de testes comportamentais

O propósito dos testes comportamentais é identificar competências e os diferentes tipos de personalidades predominantes, possibilitando a alocação do profissional em cargos nos quais haverá seu melhor desempenho.

Os testes também são aplicados para se ter uma ideia das possíveis reações do colaborador diante de situações que podem surgir durante o expediente de trabalho.

Avaliação de desempenho dos colaboradores

Para que o empregado e a empresa alcancem os melhores resultados, é preciso saber os pontos fortes e as habilidades que necessitam de aperfeiçoamento nos prestadores de serviço.

A postura de um profissional e o seu conhecimento técnico devem ser avaliados constantemente para que se possa desenvolver um plano de capacitação e consequente evolução do colaborador. Com a avaliação de desempenho, todos saem lucrando.

Formulação de programa de qualidade de vida no trabalho

Melhorar a qualidade de vida nas empresas se tornou uma questão social, uma vez que o trabalho faz parte da identidade de um indivíduo.

As organizações que se preocupam com esse fator e implantam programas para aumentar a satisfação dos empregados em relação ao seu local de trabalho, como meditação, ginástica laboral, entre outros, estão conseguindo obter resultados surpreendentes, entre eles, maior motivação e produtividade.

Treinamento e desenvolvimento de pessoal

Com a competitividade atual do mercado, capacitar e atualizar os colaboradores se tornou essencial para que as empresas alcancem o sucesso na área em que atuam.

Os psicólogos podem promover treinamentos, reuniões e cursos de várias modalidades para o desenvolvimento das equipes. Essas ferramentas projetam positivamente a empresa para o mercado e promovem a retenção dos talentos contratados.

O que faz uma consultoria de psicólogo organizacional?

A consultoria do psicólogo empresarial, por meio da utilização de vários instrumentos, avalia a empresa e seu ambiente, bem como suas equipes. Ela também auxilia no diagnóstico das principais falhas e problemas, facilitando a implantação de soluções eficientes.

Ao compreender as necessidades das organizações, o profissional de Psicologia promove ações para motivar funcionários, formar e treinar líderes e melhorar o clima organizacional.

Existem dois tipos de consultoria desse profissional dentro das empresas. A primeira consultoria é a interna, feita por um(a) psicólogo(a) formado(a) que trabalha dentro da empresa e lida diariamente com os colaboradores. Ele conhece a todos e sabe as funções exercidas por eles em cada setor.

Já a segunda, a consultoria externa, é formada por profissionais da psicologia que são qualificados e imparciais. A contratação desses psicólogos pode ocorrer em uma crise ou para evitá-la.

Independentemente de qual modelo de consultoria for adotado, suas implementações serão focadas na melhoria do local de trabalho e no fortalecimento da cultura organizacional.

Como a Psicologia organizacional influencia o ambiente de trabalho?

De forma geral, a Psicologia Organizacional estuda o bem-estar, o desenvolvimento e a relação entre os funcionários dentro de uma empresa. As informações coletadas são a base para traçar maneiras de alcançar o melhor desempenho da empresa e maximizar as potencialidades dos seus funcionários.

Os psicólogos organizacionais podem identificar e atuar sobre fatores de grande influência no cotidiano das organizações, como:

  • principais perfis dos funcionários dentro da empresa;
  • comportamento organizacional dos Recursos Humanos;
  • doenças psicossomáticas  e transtornos relacionados ao trabalho dentro da empresa;
  • causas do absenteísmo e rotatividade alta de funcionários;
  • principais fatores motivacionais no trabalho; e
  • análise das práticas adotadas pela empresa.

Dessa forma, a organização se torna mais capacitada para evitar e diminuir ações e comportamentos que prejudicam as relações entre os funcionários. Por outro lado, a empresa descobre as ferramentas para investir em atitudes que promovam a evolução e a satisfação da equipe.

Quais benefícios a Psicologia Empresarial traz?

O ambiente da organização influencia diretamente no desempenho e satisfação dos funcionários no dia a dia. Por isso, a aplicação dos conceitos de Psicologia Organizacional traz diversos benefícios para a empresa e seus colaboradores.

Podemos citar:

  • solução de problemas no ambiente de trabalho, que são responsáveis pela dificuldade de alcançar resultados e desmotivação dos funcionários;
  • identificação das causas de doenças e acidentes de trabalho, o que possibilita o investimento em prevenção da saúde do trabalhador;
  • aumento da produtividade dos funcionários;
  • diminuição de gastos com demissões e novos processos de contratação;
  • criação de uma cultura de respeito ao trabalhador e valorização do seu bem-estar; e
  • melhoria da comunicação entre funcionários e diretoria.

A Psicologia Organizacional desempenha um papel muito importante na manutenção da saúde do trabalhador dentro da empresa.

Sua aplicação traz vantagens para os funcionários, que têm maior qualidade de vida no trabalho, e para os gestores, já que a produtividade e obtenção de resultados aumenta.

Agora que você já sabe que a Psicologia Empresarial auxilia no combate a grandes problemas organizacionais, entre em contato conosco e saiba como o Psicologia Viva Empresarial pode ajudar a melhorar a realidade da sua empresa!

"Psicologia organizacional: o que é e como pode ajudar a empresa", 5 out of 5 based on 4 ratings.
Psicologia Viva

Psicologia Viva

Selecionamos o psicólogo adequado para a sua necessidade e possibilitamos você ter uma consulta online por videoconferência de qualquer lugar do mundo.
Psicologia Viva

10 thoughts on “Psicologia organizacional: o que é e como pode ajudar a empresa

  1. Sou novato acadêmico, tenho como meu primeiro trabalho em Ciência em Profissão em Psicologia, entrevistar um Psicólogo da área Psicólogo especialista em Psicologia Organizacional e do Trabalho.

    Gostaria de saber se posso ou se tem algum Psicologo na PSICOLOGIAVIVA que possa ou se disponha a ser entrevistado. Pode ser por email ou Whats app.

    Desde já agradeço pela atenção e ficarei muito grato se for atendido
    Atenciosamente
    Helio Pergher – Whats app (51) 99561-6195

    1. Olá Marta, os psicólogos organizacionais podem identificar e atuar sobre fatores de grande influência no cotidiano das organizações, e nas relações entre os funcionários, tudo isso auxilia na administração de uma organização.

Deixe uma resposta