Vale a pena fazer terapia de casal?

O mundo agitado em que vivemos está produzindo relações interpessoais cada vez mais frágeis e instáveis, causando conflitos e distanciamento entre as pessoas. E entre os casais isso não está diferente. Por isso, a procura por terapias de casais está cada vez mais em destaque nos consultórios psicológicos. E sim, ela é efetiva e deve fazer parte da vida a dois. A seguir, entenda um pouco mais sobre o tema.

O que é a terapia de casal?

A terapia irá ajudar o casal a identificar o que aflige cada indivíduo, como elas iniciam e quais ansiedades que pressionam esse comportamento. Na medida em que a terapia consegue reconhecer e diferenciar suas próprias necessidades como indivíduos separados, o casal consegue progredir com mais flexibilidade.

A terapia visa mudar situações de sofrimento comum ao casal, para restabelecer de forma saudável a relação entre os indivíduos envolvidos. Ela irá, ainda, trabalhar e promover a estabilidade e equilíbrio dinâmico do indivíduo e do casal.

Quando iniciar a terapia de casal?

Cada casal tem as suas individualidades e necessidades. No momento em que se observar falha na comunicação, quando um dos cônjuges está na defensiva e nega-se haver um problema e abrir um diálogo pode ser o momento ideal para iniciar a terapia. Porém, ela pode iniciar antes mesmo que ocorra problemas na relação.

A terapia só serve para casados?

A terapia serve tanto para casais em união estável quanto para namorados que moram juntos. Não é necessário ter uma formalização civil para fazer o tratamento. Trata-se de uma forma muito saudável e madura de tentar estreitar as diferenças e buscar um maior companheirismo na relação.

Quais são os principais motivos para se procurar uma terapia de casal?

Algumas das principais razões em que os casais procuram um profissional para melhorar a relação do casal são:

  • Brigas em excesso;
  • Traição sexual e emocional;
  • Silencio em excesso;Insatisfações sexuais;
  • Agressões físicas, emocionais e psicológicas;
  • Traição da confiança;
  • Falta de comprometimento de um dos cônjuges;
  • Transições durante a vida, como chegada de filhos novos, filhos adolescentes e a saída dos próprios filhos de casa.

Principais objetivos da terapia

A terapia de casal visa melhorar a comunicação, além de identificar os objetivos comuns, acabar com competições, superar infidelidades ou traições e melhorar a vida sexual conjugal. Para isso, os participantes irão negociar e aprenderão a equilibrar as diferenças individuais dentro da relação, a compartilhar as responsabilidades e desenvolver estratégias para manter e fortalecer o compromisso. Lembrando que isso sempre com a ajuda do profissional envolvido, que irá conduzir todos esses objetivos a partir das suas experiências.

O número de terapias de casal está aumentando anualmente. Ela funciona e ajuda a restabelecer um equilíbrio na relação a dois. Antes de finalizar um relacionamento, muitas vezes duradouro, tente uma terapia de casal para que a estabilidade e harmonia retornem. Se estiver em dúvida se o seu caso se beneficiará com uma terapia de casal, faça uma orientação psicológica, que pode ser presencial ou online antes de iniciar o processo de terapia. Com a ajuda do profissional, o casal decidirá se pretende entrar no tratamento e poderá avaliar o melhor caminho a seguir.

E você já está preparado para procurar um profissional para melhorar a sua relação conjugal? Envie suas dúvidas para a nossa equipe e descubra como a terapia de casal pode ser útil. E aproveite para ler também o nosso texto sobre carência afetiva.

"Vale a pena fazer terapia de casal?", 5 out of 5 based on 1 ratings.
Psicologia Viva

Psicologia Viva

Selecionamos o psicólogo adequado para a sua necessidade e possibilitamos você ter uma consulta online por videoconferência de qualquer lugar do mundo.
Psicologia Viva

Psicologia Viva

Selecionamos o psicólogo adequado para a sua necessidade e possibilitamos você ter uma consulta online por videoconferência de qualquer lugar do mundo.

Deixe uma resposta